FANDOM


Povo? Que povo?

–Zara sobre os Seres do Submundo, trecho de Senhor das Sombras

Zara Dearborn é uma Centuriã e uma ávida membro e apoiadora da Tropa. Para ganhar o favor do Conselho, Zara muitas vezes levou crédito pelas ações de seus companheiros, na esperança de ganhar uma reputação honrada imerecida entre os membros da Clave e para impulsionar ainda mais imagem da Tropa. [1]

Biografia

Vida Pregressa

Zara nasceu de Horace Dearborn e sua esposa. Em algum momento de sua vida, sua mãe morreu, e desde então ela foi criada por seu pai para seguir seus passos. Ela foi criada com um desprezo geral por Seres do Submundo, e quando a Paz Fria veio, ela e seu pai a apoiaram. Em um ponto, ela frequentou a Scholomance e se tornou uma Centuriã. [1]

A Tropa

Seu pai se tornou o líder não oficial da Tropa, e ele sugeriu à Clave que todos os Seres do Submundo fossem registrados. Zara ajudou seu pai a promover o Registro, a Trpa e o medo dos Seres do Submundo.

Os Dearborn se tornaram o centro de muitos dos movimentos da Tropa. Sempre que um de seus colegas da Scholomance ou outro Caçador de Sombras realizava uma ação que eles pudessem levar o crédito, eles colocavam as coisas em ordem para tirar a credibilidade de quem realmente fez isso enquanto ela reivindicava a ação, e seus colegas membros da Tropa apoiariam suas reivindicações. Um exemplo foi quando Marisol Garza salvou um grupo de mundanos de um demônio Druj em 2011; eles deixaram Marisol inconsciente e Zara imediatamente assumiu o crédito pelo ato, com seus amigos contrariando as alegações posteriores de Marisol dizendo que ela tinha imaginado seu lado das coisas.

Para ganhar mais poder, eles também planejaram conseguir um poderoso charme de fada. A Tropa exigiu que a família Rosales lhes entregassem a herança, pela qual Zara se envolveu com Diego Rosales em 2012, sob a crença de que ela precisaria de um Rosales para fazê-la funcionar. [1]

Los Angeles

Em 2012, Zara estava entre a equipe de Centuriões enviada ao Instituto de Los Angeles para procurar por Malcolm Fade e o Volume Negro dos Mortos. Ela fez questão de pontuar seu noivado com Diego na frente de sua ex-namorada, Cristina Rosales. Durante sua estada no Instituto, Zara se estabeleceu como líder de fato dos Centuriões e reteve informações dos Blackthorn sobre os detalhes de suas buscas e técnicas.

Seu pai também esperava assumir o controle de um instituto, porque como chefe de um instituto, ele poderia estar em posição de propor oficialmente o registro para ser passado como uma lei. Zara usou seu tempo no Instituto para se infiltrar no escritório de Diana Wrayburn — quando o fez, foi vista por Ty, que a pegou no ato de ler seus documentos — e coletar informações sobre Arthur Blackthorn, que seu pai conhecia da Academia dos Caçadores de Sombras e suspeitava que era um lunático e, portanto, fornecia liderança fraca para o Instituto. Percebendo que o homem estava senil e que o Instituto estava pronto para ser tomado, ela trocou cartas com o pai sobre ele. Sabendo que o Conselho ia se reunir em breve, ele pretendia apresentar sua carta como prova de que Arthur era incapaz de dirigir um Instituto e anunciaria sua própria candidatura.

Pouco depois, Malcolm mostrou-se a eles e enviou um exército de demônios do mar atacando-os no Instituto. Quando os Blackthorn se foram, tendo procurado refúgio no Instituto de Londres, quando Malcolm desapareceu e a perturbação dos demônios do mar parou depois daquela noite — devido ao sacrifício de Arthur e ao assassinato de Malcolm por Annabel — Zara foi capaz de facilmente levar crédito pela morte de Malcolm e deixar o Centuriões levarem crédito por afastar os demônios do mar. Isso lhe rendeu o respeito e a admiração de muitos Caçadores de Sombras, ao ponto em que ela estava sendo apresentada como a nova grande Caçadora de Sombras de sua geração — a próxima Jace Herondale, para o desgosto das pessoas que conhecem a verdade sobre ela.

Quando Annabel foi convocada para uma reunião do Conselho, onde Julian a fez testemunhar que ela havia matado Malcolm, Zara gritou que ela estava mentindo e começou a lançar comentários farpados sobre ela ser incapaz de testemunhar, contribuindo para Annabel ficar temporariamente louca. [1]

Descrição física

Zara é pálida e de bochechas redondas. Ela tem olhos cor de avelã e cabelo castanho espesso que geralmente é puxado para trás em um coque.[1]

Personalidade

Zara é uma garota arrogante e prepotente que leva crédito pelas conquistas dos outros. Ela é capaz de parecer encantadora, mas isso é apenas uma fachada que esconde uma personalidade distorcida. Ela pensa muito sobre si mesma e sua família e despreza os Seres do Submundo, nem mesmo pensando neles como pessoas. Este desdém se estende aos Caçadores de Sombras que se afiliam a eles e compartilham o sangue dos seres do submundo.[1]

Aparições

Curiosidades

Referências