FANDOM



Nada Além de Sombras é a quarta história em Contos da Academia dos Caçadores de Sombras, escrita por Cassandra Clare e Sarah Rees Brennan. Foi lançada dia 19 de Maio de 2015.

Descrição

Simon não é o primeiro estudante a sentir fora de lugar na Academia dos Caçadores de Sombras – o meio-feiticeiro e leitor ávido de livros James Herondale certamente não se encaixava bem com os outros estudantes. Simon aprende sobre o período de James na Academia e descobre o que significa encontrar um lugar que você pertence neste prelúdio para As Últimas Horas.


É difícil ser um Caçador de Sombras quando você têm poderes demoníacos. Simon aprende sobre as lutas no período escolar do meio-feiticeiro James Herondale, neste prelúdio para As Últimas Horas.

Simon desafia a instalação da Academia dos Caçadores de Sombras e, ao fazê-lo, aprende a história de James Herondale e Matthew Fairchild, e a maneira incomum que eles se tornaram amigos e parabatai.[1]

Enredo

Em construção.

Personagens

História atual:

Somente flashback:

Somente mencionados:

Teasers

Para mais, verifique a seção de teasers da série ou a página de trechos não identificados

Teaser #1

James não podia suportar pensar como a mãe se sentiria, se ela pensasse que ela o machucava de qualquer maneira. Se conseguisse atravessar a Academia, se pudesse fazê-la acreditar que não havia nenhuma diferença real para ele, isso pouparia sua dor.

Ele queria ir para casa. Ele não queria enfrentar ninguém na Academia. Ele era um covarde. Mas ele não era o suficiente de um covarde para fugir de seu próprio sofrimento, e deixar sua mãe sofrer por ele.

Você não é um covarde, disse Tio Jem. Lembro-me de um tempo, quando eu ainda era James Carstairs, quando sua mãe descobriu que – conforme ela pensava na época – não podia ter filhos. Ela estava tão magoada por isso. Ela pensou que estava tão mudada, de tudo o que ela pensava que era. Eu disse a ela que o homem certo não se importaria, e claro que seu pai, o melhor dos homens, o único que se encaixava com ela, não o fez. Eu não disse a ela... Eu era um menino e não sabia como dizer a ela, como sua coragem em suportar sua própria incerteza me tocou. Ela duvidava de si mesma, mas eu nunca poderia duvidar dela. Eu nunca poderia duvidar de você agora. Eu vejo a mesma coragem em você agora, como eu vi nela antes.

James chorou, esfregando o rosto contra as vestes do tio Jem como se ele fosse mais pequeno do que Lucie. Ele sabia que mãe era valente, mas certamente a coragem não seria assim: ele pensava que seria algo bom, não a sensação de que poderia rasgá-lo em pedaços.

Se você visse a humanidade como posso vê-la, tio Jem disse, um sussurro em sua mente, uma linha de vida.Há muito pouco brilho e calor no mundo para mim. Estou muito distante de todos vocês. Há apenas quatro pontos de calor e brilho, em todo o mundo, que queimam ferozmente o suficiente para eu sentir algo como a pessoa que eu era. Sua mãe, seu pai, Lucie e você. Você ama, e treme, e queima. Não deixe que nenhum deles lhe diga quem você é.

Teaser #2

"James não se preocupou com as senhoras se aproximando do pai. Ele nunca olhou para nenhuma mulher do jeito que olhou para a mãe, com gratidão"

Teaser #3

"Oh, jovem Sr. Herondale." A reitora parecia muito feliz de ser interrompido. "Claro, deixe-me mostrar-lhe o caminho. Seu pai me confiou uma mensagem para você que eu posso transmitir à medida que avançamos."

Ela deixou Ragnor Fell franzindo o cenho depois deles. James esperava que não tivesse feito outro inimigo.

"Seu pai disse – que língua encantadora é o galês, não é? Tão romântico! – Pob lwc, a charaid. O que isso significa?"

James corou, porque ele era muito velho para seu pai chamá-lo por nomes de estimação. "Significa apenas... significa boa sorte."

Ele não pôde deixar de sorrir enquanto seguia a reitora pelas salas. Ele tinha certeza de que o pai de ninguém tinha encantado a reitora dando a um estudante uma mensagem secreta. Ele se sentiu quente, e protegido.

Até que a Reitora Ashdown abriu a porta de seu novo quarto, deu-lhe um alegre adeus e deixou-o para seu horrível destino.

Era um quarto muito agradável, arejado, com uma cama de nogueira e dossel de linho branco. Havia um guarda-roupa esculpido e até uma estante.

Havia também uma quantia angustiante de Matthew Fairchild.

Estava em pé diante de uma mesa com cerca de quinze escovas de cabelo, várias garrafas misteriosas e uma estranha coleção de pentes.

"Olá, Jamie," disse ele. "Não é esplêndido que estamos compartilhando um quarto? Tenho certeza de que nos daremos bem."

"James," disse James. "Para que servem essas escovas de cabelo?"

Matthew o olhou com pena. "Você não acha que tudo isso ..." ele indicou a cabeça com um gesto arrebatador – "acontece por conta própria?"

"Eu só uso uma escova de cabelo."

"Sim," observou Matthew. "Eu posso dizer."

Galeria

Cenas

Capas

Curiosidades

  • O título foi derivado de O Retrato de Dorian Gray de Oscar Wilde, de quem Matthew Fairchild é um fã. Também pode ser uma alusão a James Herondale, que, devido a sua linhagem demoníaca, possui a habilidade de se transformar em uma sombra – uma habilidade que ele aprende nesse volume.
  • Esta história é contada do ponto de vista de dois personagens, nominalmente: Simon e James.
  • A história se passa em 2008.

Referências

Crônicas dos Caçadores de Sombras de Cassandra Clare
Os Instrumentos Mortais
Cidade dos Ossos Cidade das Cinzas Cidade de Vidro
Cidade dos Anjos Caídos Cidade das Almas Perdidas Cidade do Fogo Celestial
As Peças Infernais Os Artifícios das Trevas
Anjo Mecânico Dama da Meia-Noite
Príncipe Mecânico Senhor das Sombras
Princesa Mecânica Rainha do Ar e da Escuridão
As Últimas Horas As Primeiras Maldições
Corrente de Ouro Os Pergaminhos Vermelhos da Magia
Corrente de Ferro O Livro Branco Perdido
Corrente de Espinhos O Volume Negro dos Mortos
As Crônicas de Bane Contos da Academia dos Caçadores de Sombras
O Que Realmente Aconteceu No Peru Bem-Vindo à Academia dos Caçadores de Sombras
A Rainha Fugitiva O Herondale Perdido
Vampiros, Bolinhos e Edmund Herondale O Demônio de Whitechapel
O Herdeiro da Meia-Noite Nada Além de Sombras
Ascensão do Hotel Dumort O Mal Que Amamos
Salvando Raphael Santiago Reis e Príncipes Pálidos
A Queda do Hotel Dumort Língua Afiada
O Que Comprar Para o Caçador de Sombras Que Já Tem Tudo O Teste de Fogo
A Última Batalha do Instituto de Nova York Nascido Para a Noite Sem Fim
Os Rumos do Amor Verdadeiro (E Os Primeiros Encontros) Anjos Que Caem Duas Vezes
Próximos
Graphic novels de Os Instrumentos Mortais
Fantasmas do Mercado das Sombras: Uma Antologia de Contos
Os Poderes Perversos
Livros Complementares
O Códex dos Caçadores de Sombras
Uma História de Notáveis Caçadores de Sombras e Seres do Submundo
The Official Mortal Instruments Coloring Book
Adaptações
City of Bones: The Graphic Novel
As Peças Infernais (Mangá)
Os Instrumentos Mortais: Cidade dos Ossos
Shadowhunters: The Mortal Instruments
Esta página utiliza conteúdo de um artigo da The Shadowhunters Wiki.
A lista de autores pode ser vista no histórico da página.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.