FANDOM


As Mansões Lightwood foram residências da Família Lightwood.

Descrição

Chiswick

A casa de campo Lightwood em Londres localizava-se em Chiswick, nos arredores de Londres, no Século XIX. Era uma estrutura maciça, construída em pedras brancas que pareciam brilhar em prata durante a noite, a propriedade, cercada por um portão negro, e campos vastos que se estendiam até a beira de um meandro do rio Tâmisa. Foi construída em estilo paladino, trazendo uma semelhança forte com os templos clássicos romanos e gregos, por conta de seus pilares altos, várias escadas, linhas fortes e simétricas e colunas limpas.

Um pátio com uma longa estrada de cascalho ladeada por árvores levava até a casa e possuía um lago ornamental circular à sua frente. Caminhos de pedra saíam dali e passavam entre vários jardins. Sebes baixas acompanhavam os caminhos, enquanto sebes altas cobriam os jardins. Ela incluía um jardim italiano, recheado de estátuas de heróis clássicos e figuras do mito, grandes historiadores e estadistas, poetas e dramaturgos como Venus, Caesar, Heródoto, Tucídides, Aristóteles, Ovídio, Homero, Virgílio e Sófocles. Também é possível encontrar na mansão uma estufa de madeira e vidro, com uma cúpula no topo, um lago ornamental circular preto com um banco de mármore branco ao lado dele e um edifício extravagante em forma de templo grego e feito de gesso.

Um caminho que enrola em torno da casa leva até uma ala que, de acordo com Tessa, parecia ter sido adicionada recentemente. Ele termina em uma entrada alta e estreita, com um estranho símbolo esculpido na porta que da acesso a uma escadaria longa e estreita e a mesma leva até o salão de baile.

O grande salão de baile tinha um grande lustre de cristal em forma de aranha. As paredes eram azul escuro e os quartos possuíam janelas francesas ao longo dos lados, abrindo em arcos para a varanda de pedras curvadas com vista para os jardins, o rio e a cidade. Durante o Baile de Máscaras de 1878, Autômatos cobriam as paredes como armaduras decorativas, vestindo a vestimenta característica da casa Lightwood e um ouroboros no peito esquerdo.

O interior da casa, particularmente a ala principal, possuía uma grande porta de entrada pavimentada com quadrados de mármore preto e branco alternadamente. Tinha um enorme lustre, janelas altas, corredores longos com paredes azuis e dezenas de gravuras com molduras douradas e uma escadaria gigantesca que leva ainda mais fundo na mansão.

A livraria, que também serviu de escritório ou local de estudo para Benedict Lightwood, é um quarto grande com cortinas pesadas, papel de parede verde, pinturas a óleo de grandes navios de guerra, estantes, um tapete persa e uma mesa protegida por um guardião demônio. Estes papéis de parede foram destruídos por Benedict durante seus últimos estágios de astríola, onde ele escreveu frases com letras grandes com seu próprio icor.

Pimlico

A mansão Lightwood em Pimlico no século XIX era descrita como uma casa elegante com vários corredores e uma grande livraria.

História

Londres

Em 27 de julho de 1878[1], Benedict Lightwood realizou um Baile de Máscaras secreto na mansão de Chiswick para impressionar Mortmain. A festa foi frequentada por diversos Demônios e alguns amigos nephilim de Benedict. Nate Gray também compareceu ao evento e convidou sua “esposa”, Jessamine Lovelace. Tessa, transformada em Jessamine, Will, escondido por trás de sua máscara, e Magnus Bane, chamado por um dos subjulgados de Camille, foram sem ser convidados.

Aproximadamente três meses depois, Benedict mudou-se com sua família de Pimlico para Chiswick. Lá, ele se prendeu em seus estudos por duas semanas e submeteu-se a ultima fase da varíola demoníaca, transformando-se em um verme demoníaco. O demoníaco Benedict então escapou para o jardim, devorou seus servos e Rupert Blackthorn e mais tarde foi morto pelos caçadores de sombras do Instituto de Londres. Muito do jardim italiano foi destruído no conflito.

Ambas as mansões foram confiscadas para pesquisas pela Clave, até que alguns anos depois, Tatiana conseguiu recuperá-las.

Idris

Os Lightwoods perderam sua casa em Idris nos anos 90, em consequência do exílio de Robert e Maryse Lightwood por seu envolvimento com o Ciclo. Contudo, eles foram capazes de comprar uma nova — uma casa vazia anteriormente habitada por uma família que fugiu do país — temporariamente durante a Guerra Mortal em 2007.

Residentes conhecidos

Londres:

Curiosidades

  • A mansão Lightwood de Chiswick foi baseada, muito esquematicamente, nas casas reais de Chiswick.

Referências

  1. Príncipe Mecânico


Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória