FANDOM


Jordan Kyle
CJ Flowers, Jordan
Informação Biográfica
Nascimento: 1989
Idade: 18
Status: Falecido
Afiliação
Espécie:

Licantrope

Residência:

Nova York

Lealdade:

Praetor Lupus

Relacionamentos
Descrição Física
Gênero: Masculino
Cor do
Cabelo
:
Castanho
Cor dos
Olhos
:
Cor de Avelã
Altura: 1,90m
O Passado sempre importa. É o que te dizem quando você se junta ao Praetor. Você não pode se esquecer das coisas que fez no passado, ou nunca vai aprender com elas.

– Jordan, Cidade dos Anjos Caídos

Jordan Kyle foi um lobisomem e namorado de Maia Roberts. Ele foi um membro ativo do Praetor Lupus, por meio do qual recebeu a missão de vigiar o novo diurno, Simon Lewis.

Biografia

História

Jordan conheceu Maia em uma cidade em Nova Jersey, em uma loja de música, enquanto comprava vinis. Ele a viu como uma garota bonita e doce, e eles eventualmente começaram a namorar. Seus primeiros poucos meses juntos foram "como um sonho", que eles viveram como "pessoas de 16 anos apaixonadas". Em um determinado ponto, Jordan se envolveu em uma briga em um clube noturno onde algum cara o mordeu, não percebendo até muito tarde que fora mordido por um lobisomem.

Após três semanas, os efeitos da mordida começaram a afetá-lo; ele tinha ondas repentinas de revolta e raiva incontroláveis, descontando-as em Maia, começando o que ela chamou como o "pesadelo de seus últimos poucos meses juntos".[1]. Ele se tornou possessivo, controlador e ciumento, sempre convencido de que ela estava interessada em outros rapazes, mas sem evidências para prová-lo. Ele chegou até mesmo ao ponto de estapeá-la e bater nela quando ficava com raiva. Em algumas ocasiões, ele perderia a consciência e acordaria sem saber o que estava acontecendo ou o que tinha feito.

Eventualmente, ela tentou terminar o namoro, o que o enfureceu. Ele a empurrou e derrubou. Para fazê-lo entender que estava tudo acabado, Maia beijou outro garoto em uma festa na frente de Jordan. Infelizmente, aquela era uma noite de lua cheia, e ele se transformou em lobisomem pela primeira vez. Em seu estado descontrolado, ele a viu enquanto corria pelas ruas de Nova Jersey, e a atacou em seu caminho para casa, e só a deixou ir, eventualmente, quando a vizinhança começou a perceber o ataque. Antes de sair, ela o ouviu murmurar "Você é minha agora, você sempre vai ser minha", apesar de não perceber, daquela vez, que aquilo queria dizer que ela se transformaria em lobisomem também.[2]

Praetor Lupus

Plenamente consciente do que fizera, ele tentou ir até Maia para se desculpar e explicar, mas foi detido por um membro do Praetor Lupus, que fora designado para ele. O praetor não permitiu que Jordan se aproximasse dela, e, em vez disso, convenceu-o a ir com ele para ser treinado pelo Praetor Lupus, para que pudesse evitar a punição. Foi-lhe assegurado que a Guarda tomaria conta de Maia para assegurar-se que ela estava se acostumando com a nova vida. O Praetor também se recusou a deixá-lo dar uma olhada nela mesmo por um curto tempo; eles simplesmente informaram que ela havia saído de casa.

Em sua graduação, foi dito a Jordan para pegar seu primeiro caso. Quando recebeu os arquivos para escolher um ser do submundo para vigiar, ele escolheu Simon, quando viu Maia em seus registros, pensando que se pudesse aproximar-se dele, poderia descobrir o que havia acontecido com sua ex-namorada.[1]

Reunido com Maia

Jordan declarou-se com o nome de Kyle quando participou de uma audição para ser cantor na Banda de Simon. Em um determinado ponto, Kyle surpreendeu Simon hospedando-se na garagem de Eric, e convidou-o para dividir seu apartamento com ele. Cedo o suficiente, Jace acabou no apartamento, e revelou a verdadeira natureza de Lobisomem de Kyle logo após conhecê-lo, forçando Jordan a explicar imediatamente que, como parte de uma aliança, o Praetor Lupus o despachou para ficar de olho em Simon.

Jordan e Maia se encontraram novamente pela primeira vez desde que ele a transformara na noite em que Simon acidentalmente atacou e se alimentou de Maureen Brown, o que também foi a mesma noite em que Maia e Isabelle descobriram que ambas estavam saindo com Simon. Maia, em choque após ver Jordan pela primeira vez, atacou-o, claramente com o objetivo de matá-lo, mas foi detida por Simon e Isabelle. Enquanto Maia o atacava, Jordan não fez nada para se defender, ainda culpado por tê-la transformado e por como a tratara durante seus poucos últimos meses juntos. Simon logo percebeu a história de Jordan e Maia, e, após seu problema com Maureen, finalmente o entendeu e tentou fazer com que Isabelle e Maia também o fizessem. Ele explicou para ambas que Jordan não tinha controle sobre sua transformação em lobisomem naquela época e se tornara uma pessoa melhor desde então.

Durante a festa de noivado feita pelos lobisomens para Jocelyn Fray e Luke, Simon contou a Maia sobre o dilema de Jordan, e o quanto Jordan a amava e quão culpado estava pelo que fizera a ela. Mais tarde, quando Simon desapareceu, Maia ficou menos hostil com ele, até mesmo falando com ele, em um determinado ponto, sobre Simon, e então, mais tarde, sobre seu passado. No hotel de Lilith, eles foram deixados a sós após terem sido atacados por fiéis do culto. Quando uma luz intensa assustou Maia, Jordan a segurou, e ela impulsivamente o beijou, apesar de eventualmente se afastar, ainda lutando para entender o que sentia por ele.[1]

Os dois continuaram a passar o tempo juntos, e Jordan até mesmo ofereceu-se generosamente para pagar suas despesas em Stanford se ela aceitasse. Maia rejeitou a oferta e o dinheiro de Jordan. Durante os patrulhamentos feitos após Jace desaparecer com o ressurrecto Sebastian Morgenstern, eles se beijaram, após Jordan expressar seu alívio por finalmente tê-la encontrado. Entretanto, o momento foi curto, uma vez que Maia se afastou impulsivamente quando Jordan disse "Eu te amo, Maia. Eu sempre amei você". Ela decidiu que era demais, e deixou-o aturdido. No caminho para o Praetor Lupus, Jordan parou em uma praia com vista completa de um belo nascer do sol. Os dois oficialmente tentaram definir sua relação de uma vez por todas, Jordan disse a Maia que se quisesse que continuassem como amigos, seria difícil para ele, porque ele ainda a amava, e sabia que ser apenas seu amigo seria muito difícil para si. Após um momento de contemplação, Maia o beijou, revelando sua decisão de voltarem a ser um casal. Os dois eventualmente consumaram seu relacionamento, até mesmo fazendo disso uma coisa regular, e se descreviam como "apaixonados" pelo outro. Ele levou Maia para ver seu lar no Praetor Lupus, em uma demonstração de sua decisão de fazer o relacionamento funcionar.[3]

Crepusculares

Jordan e Simon estavam em seu apartamento com Maia quando foram repentinamente atacados pelos Crepusculares, enviados por Sebastian. Jordan, como guarda Praetor de Simon, ordenou que ele fugisse do apartamento enquanto Maia e ele lutavam com o crepuscular.

Após o encontro, Jordan e Maia começaram a procurar por Simon, o que os levou ao Praetor Lupus após Jordan receber uma dica de um companheiro do Praetor. Jordan e Maia então foram até a base dos lobisomens, onde encontraram a construção completamente queimada. Praticamente todos os lobisomens que estiveram ali dentro haviam sido mortos, e o prédio estava completamente destruído. Os dois vasculharam os destroços, tentando recuperar qualquer sobrevivente. Enquanto Jordan estava falando com Maia, ele foi inesperadamente atingido por Sebastian, com uma lâmina. Ele, então, morreu no colo de Maia, a quem Sebastian poupou para que pudesse enviar um recado aos Seres do Submundo.

Após a Morte

Após a morte de Jordan, seu colar do Praetor Lupus foi dado para seu antigo colega de quarto, Simon, porque Maia decidiu alugar o apartamento ela mesma quando Simon perdeu as memórias e foi para a Academia dos Caçadores de Sombras.[4] Mesmo que Simon não se lembrasse completamente de Jordan, ele recuperou partes de suas memórias sobre ele durante sua estadia na Academia. Em uma noite, Simon acordou com a sensação dilacerante de que seu amigo realmente se fora.[5][6]

O último trabalho de Simon com sua banda, Os Instrumentos Mortais, foi uma faixa de 11 minutos dedicada a Jordan chamada Beati Bellicosi.[7]

Descrição Física

Codex Jordan
Mas Kyle é gostoso como 'Whoa'.

Clary para Simon, Cidade dos Anjos Caídos

Jordan era um garoto roqueiro alto, moreno, com um cabelo longo preto que caía sobre sua testa e abaixo de seu queixo em cachos, e tinha cílios longos e espessos. De acordo com Maia, ele parecia o tipo de cara que geralmente prefere garotas pálidas e magras com óculos de hipster, não curvilíneas como ela, como pontuou. Ele tinha ombros largos e era magro, mas musculoso, com maçãs do rosto altas e olhos amendoado-esverdeados. Em ambos os braços, ele tinha tatuagens que pareciam com inscrições sinuosas ao redor de sua pele, que eram, na verdade, mantras dos Upanishads tatuados pela amiga de Maia e dele, Valerie.

Competências e Habilidades

* Licantropia: como lobisomem, Jordan tinha a habilidade de transformar-se em lobo. Assim como seus outros companheiros lobisomens, ele tinha força e resistência aprimoradas e a habilidade de se curar rapidamente.

Relacionamentos

Tarot 18

Jordan e Maia tinham um relacionamento complicado. Tudo estava muito bem quando começaram a namorar, mas quando ele se transformou em lobisomem, as torrentes incontroláveis de agressividade e revolta fizeram com que ele a ferisse, o que fez com que Maia ficasse com muito medo dele. Uma noite, quando Maia finalmente tentou terminar com ele, era lua cheia, e Jordan teve sua primeira Transformação. Em meio ao caos e confusão de sua primeira transformação, ele inadvertidamente atacou Maia e a transformou quando ela estava indo para casa.

Profundamente arrependido pelo que fizera com Maia, ele nunca se esqueceu dela ao longo de seu treinamento no Praetor Lupus. Quando estava finalmente ao ponto de ser enviado para fora como guarda, ele escolheu Simon com esperanças de chegar a Maia.

Quando os dois eventualmente se encontraram em uma das apresentações de Simon, feridas antigas foram reabertas, e Maia estava, inicialmente, furiosa por vê-lo. Jordan entendeu sua raiva, e não fez nada para impedir que ela o atacasse. Entretanto, pelos pedidos de Simon e em parte de Isabelle, os dois finalmente se reconciliaram e ao menos comportavam-se educadamente diante do outro.

Após descobrir parte da verdade através de Simon, Maia lentamente começou a compreender o ponto de vista de Jordan, e fez as pazes com ele. Apesar de tê-lo perdoado, ela ainda lutava internamente acerca de seus sentimentos por ele.

Quando Luke foi gravemente ferido, os dois viajaram para a Praetor House juntos em busca de ajuda, quando Maia viu que Jordan havia finalmente mudado e se tornado uma pessoa melhor, os dois retomaram seu relacionamento, recomeçado de forma limpa.

Na noite em que Jordan foi morto por Sebastian, Maia estava planejando terminar, já que ainda estava em conflito acerca do que sentia por ele, e incapaz de esquecer o passado completamente. Entretanto, ela ainda se importava profundamente com ele, e se agarrou ao seu corpo para salvar sua vida após a morte.

Jordan foi encarregado de tomar conta de Simon, um vampiro sem clã, e nem ninguém para guiá-lo, mesmo tendo poderes de diurno que faziam dele altamente procurado (e altamente ameaçado). Eles estavam na mesma banda, e eram colegas de quarto após Jordan se oferecer para deixá-lo ficar em seu apartamento. Os dois se tornaram amigos próximos, e Jordan até mesmo deixou seu colar do Praetor para Simon após sua morte.

Quando se encontraram pela primeira vez, os dois estavam hostis em relação um ao outro, e ameaçavam-se com sua força. No dia seguinte, entretanto, os dois pareciam melhores amigos, de acordo com Simon, e no final conversavam sobre vídeo-games e conhecimento em armas.

Aparições

Galeria

Curiosidades

  • Jordan tinha um vaso de acônito em sua sacada.[1]

Referências

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória