FANDOM


ALERTA DE SPOILER: Detalhes do enredo a seguir. Aconselhamos atenção!
Eu sinto sua falta. Sinto sua falta todo dia.

–Diego para Cristina Rosales, Dama da Meia-Noite

Diego Rocío Rosales é um Centurião — na verdade, um dos mais jovens a se formar na Scholomance.

Biografia

Vida Pregressa

Diego e sua família cresceram no México, juntamente com a prima Cristina Rosales. Ele era um habilidoso Caçador de Sombras. Ele frequentou a Scholomance em uma idade jovem, quando foi reaberta após a Guerra Maligna; ele se formou logo depois e se tornou um dos mais jovens a se tornar Centurião.

Cristina e Diego estavam apaixonados e tinham planos de se casarem, enquanto Christina também planejava se tornar parabatai com o irmão dele, Jaime. A mãe de Cristina prontamente aprovou a união.[2]

Paz Fria

Quando a Paz Fria começou, as famílias Rosales foram instruídas a entregar uma herança poderosa, entre outros presentes recebidos através de suas conexões com as hadas, à Clave, particularmente quando os Dearborn e A Tropa começaram a exigi-las. Em vez de desviar a herança diretamente, eles disseram falsamente que somente um Rosales poderia fazer o objeto funcionar.[3]

Em maio de 2012, Diego e Jaime estavam na residência dos Rosales em San Miguel de Allende com Cristina. Uma noite, um Jaime alcoolizado disse a Diego sobre suas más intenções com Cristina, enquanto Diego permaneceu em silêncio para deixá-lo falar de tudo. Diego queria advertir Cristina durante a viagem de Jaime a Idris, mas nunca teve a chance, porque Cristina, que escutou as reclamações de Jaime naquela noite, viajou para Los Angeles para fugir deles, sua repentina partida devastando-o e surpreendendo-o, sem entender o motivo de tal ato.[2]

Com Cristina e sua conexão mais forte com o Instituto da Cidade do México desaparecendo, eles se tornaram mais pressionados para dar ou esconder sua herança. Para adiar as exigências dos Dearborn pela herança, Diego se ligou a Tropa em um casamento arranjado com Zara Dearborn, enquanto Jaime pegou a herança e se escondeu.[3]

A Loteria

Diego ouviu relatos de atividade mágica necromântica em Los Angeles e da crença de Emma Carstairs de que seus pais foram mortos por algo diferente do exército de Sebastian Morgenstern e foi investigar. Ele visitou pela primeira vez o Instituto de Los Angeles para conversar com o líder, Arthur Blackthorn, mas foi imediatamente mandado embora. Decidido a investigar o assunto por conta própria, ele comprou armas no Mercado das Sombras, especificamente de Johnny Rook, que o enganou fazendo-o comprar dardos tingidos com veneno belladonna.

A investigação o levou ao corpo largado atrás do Bar do Sepulcro, pouco antes de Emma e Cristina chegarem à cena para investigar também e assim eles não se encontraram. Lá, ele encontrou Seguidores do Guardião batendo em Ava Leigh e os parou. Ava Leigh escapou e ele a seguiu até a casa onde morava com seu namorado, Stanley Wells, que também foi a última vítima dos assassinatos em L.A. Enquanto lá, Emma e Julian Blackthorn chegaram; sem reconhecê-los, ele presumiu que fossem assassinos. Ele conseguiu acertar Julian com seus dardos, sem perceber que ele era um caçador de sombras e que seus dardos eram mortalmente venenosos, e fugiu quando Emma começou a se aproximar.

Enquanto perseguia Casper Sterling, um membro dos Seguidores, ele correu até Emma e Cristina. Embora chocado, ele também estava encantado de ver Cristina novamente. Mais tarde lutou ao lado de Cristina, Emma e os Blackthorns para resgatar Octavian Blackthorn e impedir o feiticeiro Malcolm Fade de sacrificar o garoto para ressuscitar sua amante, Annabel Blackthorn.

Quando a Clave foi finalmente alertada sobre os recentes acontecimentos, Diego se manteve firme em sua decisão e testemunhou para Robert Lightwood dizendo que acreditava que os Blackthorns "fizeram o que era necessário". Robert decidiu não punir Diego ou tirá-lo de sua posição porque ele era supostamente um de seus melhores guerreiros. Diego e Cristina se reconciliaram mais tarde.[2]

Procura por Malcolm

Em resposta ao súbito aumento na atividade de demônios do mar em LA, suspeito de estar ligado à morte de Malcolm, um grande grupo de Centuriões chegou para ficar no Instituto de Los Angeles para procurar o corpo de Malcolm e o Volume Negro dos Mortos,[3] que desapareceram no mar depois de seu confronto mortal com Emma.[2] O deleite inicial de Diego se transformou em pavor quando o grupo incluiu Zara, sua noiva, terminando assim seu relacionamento apenas reacendido com Cristina.

Uma noite, após várias noites de buscas infrutíferas, o próprio Malcolm atacou o Instituto com uma horda de demônios do mar. Malcolm exigiu um sacrifício Blackthorn, levando-os a fugir, deixando Diego e os outros Centuriões para permanecer e lutar contra os demônios que Malcolm colocou sobre eles.

Cristina acabou no Instituto de Londres com Emma e os Blackthorns. Incapaz de contatá-la por causa de quão perto Zara estava assistindo cada movimento seu, ele passou uma carta para ela através de Jaime, em vez disso.

Algum tempo depois - após as mortes de Arthur e Malcolm, com Zara reivindicando a responsabilidade e a honra do último - em uma reunião do Conselho para os testemunhos de Annabel Blackthorn e Kieran, Diego compareceu junto dos outros centuriões. Cristina finalmente falou com ele, não mais com raiva, mas também agora aceitando que ela não estava mais apaixonada por ele. Ela pediu-lhe um favor: proteger Kieran, esperando que as coisas dessem errado, e levá-lo a Scholomance com ele.[3]

Descrição física

Diego tem cabelos grossos e escuros, olhos escuros com maçãs do rosto altas e pele oliva.

Aparições

Galeria

Etimologia

Diego é um nome espanhol masculino, possivelmente uma forma reduzida de Santiago, que significa "Santo James", derivado do espanhol santo "santo" combinado com Yago, uma antiga forma em espanhol de James, o santo padroeiro da Espanha. Em registros medievais, Diego era latinizado como Diogo de Alcalá, e foi sugerido que na verdade derivava do grego διδαχη (didache) "ensino".[4] Diego também é considerado a versão hispânica de James—primeiramente devido a conexão destes com o personagem bíblico Ya'akov (Jacó)[5]—que significa "suplantado; aquele que substitui".[6]

Seu sobrenome materno Rosales é derivado da palavra em latim "rosa" e é a forma no plural da palavra espanhola "rosal", ambas que significam "roseira".[7] Seu sobrenome paterno Rocío é de origem italiana e espanhola, onde significa "gotas de orvalho", ou simplesmente "sereno".[8][9][10]

Curiosidades

  • A refeição preferida de Diego é o café da manhã. Quando ele estava crescendo, ele periodicamente acordava antes do restante de sua família e surpreendia-os com chilaquiles. Ele é igualmente entusiasmado sobre ter o café da manhã no jantar.[11]
  • A arma preferida de Diego é um machado.[11]
  • Ele foi inicialmente definido para ser mais jovem do que Jaime.[12][13]

Referências


Esta página utiliza conteúdo de uma página da The Shadowhunters Wiki.
A lista de autores pode ser vista no histórico da página.