FANDOM


Barreiras são restrições criadas com magia de várias formas. O centro das barreiras do mundo é a Ilha Wrangel.

Descrição

As Barreiras são a mágica mais simples conhecida pelos Nephilim, juntamente com o glamour. Há diversas variações de barreiras, todas as quais servem como um escudo que manter algo dentro ou fora de certa região. Elas existem em níveis diferentes de poder, e podem ser postas com feitiços, runas, ou mesmo existirem naturalmente.

O mundo é separado da dimensão dos demônios pelas barreiras. Apesar de os demônios serem capazes de passar pelas barreiras e entrar na dimensão humana, elas fazem com que isso seja difícil para eles, mantendo, assim, de fora a grande maioria de demônios e protegendo o mundo de uma invasão completa. Entretanto, apesar da contínua Incursão, as barreiras diminuíram levemente, e diz-se que mais e mais demônios passam por elas.

Os Caçadores de Sombras têm as barreiras à sua disposição, dadas a eles pelo Anjo Raziel, as primeiras sendo as barreiras que ele colocou ao redor de Idris, prevenindo a descoberta do país por mundanos, que são incapazes de passar por barreiras, enquanto permitem que os caçadores de sombras e seres do submundo o façam sem dificuldade. Se um mundano passar pelas barreiras de Idris, ele será imediatamente transportado para a borda oposta.

Em Alicante, as barreiras são mantidas e controladas pelas Torres Demoníacas que cercam a cidade. A magia dessas barreiras desativa a tecnologia moderna e impede a eletricidade e fontes similares de energia, maquinário e armas de fogo marcadas, de funcionarem de forma confiável, resultando na necessidade de usar Pedra de Luz Enfeitiçada para iluminar a cidade, e é por que as a comunicação é feita primariamente através de cartas e mensagens de fogo - apesar de as barreiras mais fracas dos Institutos normalmente não causar esse problema. Essas barreiras se provaram demasiadamente complicadas para que os Nephilim as compreendam suficientemente para duplicá-las ou recriá-las em qualquer lugar, ou mesmo modificá-las ou alterá-las.

A magia demoníaca tem suas próprias barreiras, que funcionam de forma similar, tais como os pentagramas utilizados pelos feiticeiros para invocar demônios, os quais eles desenham com runas demoníacas.

Com a pesquisa e a mágica secreta do Livro Gray, a primeira geração de Irmãos do Silêncio foi capaz de criar barreiras para caçadores de sombras.[1][2] Essas barreiras são versões mais fracas das de Idris e do mundo, apesar de terem sido atestadamente suficientes para seu próprio uso. Essas barreiras são similares ao glamour, na medida que afastam certos indivíduos de um local ou objeto, o que é feito através de ilusão ou distração. As barreiras também podem ser criadas complexas ou específicas para quem é barrado e quem é autorizado a passar.[1]

Outros usos simples das barreiras incluem a proteção de uma pequena área, tal como um único cômodo ou um objeto, como um baú fechado, ou mesmo um navio, como o que Valentim fez para conseguir velejar através do Rio East indetectado pela Clave ou pelos feiticeiros.[3]

Evasão

O único modo comprovado de derrubar as barreiras é através do uso de sangue de demônio de dentro de sua área protegida.[4]

Entretanto, outra maneira de evitar que as barreiras funcionem é criar locais que as repelem. Isso é feito com marcas que bloqueiam a barreira, como se fosse um local fora de sua proteção. Duas áreas conhecidas onde isso aconteceu são os Santuários dos Institutos e os Portais.[1]

No caso dos Santuários, uma vez que os Portões dos Institutos geralmente repelem Vampiros e demônios de entrar na terra sagrada do Instituto, eles se tornam o único cômodo onde eles podem entrar. Por sua vez, os Portais, que são desenhados com runas demoníacas que cancelam outras proteções, conseguem ignorar as barreiras, particularmente em Idris, fazendo-os assim um, ou até mesmo o único, dos meios pelos quais Mundanos podem entrar no País, nas raras ocasiões em que isso é necessário.

História

Por um período desconhecido de tempo, o mundo já havia sido protegido do Vazio. Através dos anos, entretanto, por causa dos esforços combinados de Samael e Lilith e pela Incursão, mais e mais humanos chegaram ao mundo humano, as barreiras não mais capazes de mantê-los de fora em números.[5] Quando Raziel deu aos Caçadores de Sombras o seu país, com uma barreira protegendo-o, os primeiros Irmãos do Silêncio estudaram as barreiras e aprenderam, com sucesso, a reproduzir versões mais fracas para sua espécie. Eles realizaram rituais ao redor do mundo, pretendo reforçar o poder das barreiras com as suas próprias.

Nos anos 90, barreiras adulteradas foram colocadas por Valentim Morgenstern na Mansão Wayland durante os anos em que ele ficou ali, fingindo ser Michael Wayland, com Jace.[4]

Pela primeira vez conhecida na história, as barreiras de Idris foram derrubadas por Sebastian Morgenstern com seu sangue de demônio como parte dos planos de Valentim. Como precaução, algumas barreiras foram colocadas ao redor do lago Lyn, as quais alertariam a Clave caso alguém se teletransportasse para lá. Entretanto, Valentim também as trouxe abaixo quando chegou.[4]

Meses depois, as barreiras ao redor das Ilha Wrangel foram despedaçadas, um portão aberto para os demônios por Jonathan, fazendo o Conselho priorizar o conserto das barreiras ao invés de procurar a ele e Jace.[2]

Referências

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.